Escolha uma Página

O orçamento de marketing é fundamental para planejar as ações de marketing e manter a saúde financeira do negócio – mas você sabe como fazê-lo? Confira o artigo de hoje e descubra!

Como definir um orçamento de marketing?

Para definir o orçamento de marketing, você pode seguir os seguintes passos:

Levantamento de dados

Primeiramente, é preciso levantar dados para identificar o desempenho atual do negócio, pontos de destaque e melhoria, possíveis oportunidades ou ameaças e a performance da concorrência. Para isso, você tem que coletar as seguintes informações:

  • Orçamento para o atual exercício;
  • Crescimento da empresa nos últimos meses;
  • Plano de marketing dos exercícios anteriores;
  • Pesquisa de mercado.

Definição de objetivos

Para definir os objetivos, considere:

  • Pontos que devem ser trabalhados para que a empresa cresça;
  • Como superar possíveis ameaças;
  • Como aproveitar as possíveis oportunidades.

Além disso, verifique em quais fatores os principais concorrentes se destacam. Caso sua empresa não apresente um bom desempenho em relação a eles e perceba que os potenciais clientes consideram esses aspectos relevantes (a partir da análise do comportamento do público-alvo), foque neles. 

O mesmo vale para os pontos fracos da concorrência. Identificar o que deixou o público-alvo decepcionado com as outras empresas permite que você possa captá-lo mais facilmente.

Identificação de soluções

Para identificar as soluções, realize uma pesquisa para verificar quais são os recursos disponíveis. Isso pode ser feito a partir da consulta do plano de marketing dos exercícios anteriores, análise das novas estratégias de marketing e avaliação das ações da concorrência. Caso a atual conjuntura tenha mudado significativamente e se refletido no público-alvo, é interessante analisar essa variável também.

Estimativa de valores

Por fim, é realizado o levantamento de preço das principais soluções encontradas. Nesse momento, é interessante conversar com as empresas que comercializam ou prestam os serviços demandados para encontrar as melhores ofertas e formas de pagamento. 

Concluída essa etapa, você pode finalizar o orçamento de marketing e compará-lo com o valor disponível em caixa para saber até onde é possível executá-lo.

Caso você sinta necessidade de ter uma ferramenta de apoio, conheça a calculadora de orçamento de marketing da WSI Decisão Digital.

Como é o orçamento de marketing para cada tipo de empresa?

Mais um fator que pode ajudá-lo a definir o orçamento de marketing é o tipo de empresa que você administra. Veja alguns exemplos:

Startup

Muitas vezes, as startups possuem um orçamento limitado. Por conta disso, elas focam em objetivos de curto prazo e buscam ações que possibilitam fazer mais com menos, como, por exemplo, técnicas de growth hacking – subcampo do marketing focado no rápido crescimento sem a necessidade de investir muitos recursos – e estratégias de baixo custo e amplo alcance, como marketing de conteúdo, marketing viral, marketing de referência e mídias sociais.

Corporação

As grandes corporações possuem um amplo banco de dados e capacidade para investir em pesquisas de mercado de larga escala tanto quantitativas quanto qualitativas, as quais são capazes de oferecer grandes insights. 

Essas empresas costumam seguir as tendências de mercado e têm potencial para investir em diferentes veículos de comunicação, desde os mais tradicionais até os mais atuais. O investimento em marketing normalmente é elevado, pois os concorrentes dessas empresas também são grandes corporações com alto poder de investimento. 

Geralmente, quanto mais consolidada no mercado for a corporação, mais ela foca em ações de fidelização, dado que já é amplamente reconhecida pelo público, possui uma vasta carteira de clientes e a estratégia de retenção é mais viável economicamente do que a aquisição de novos consumidores.

Empresa B2B

Conforme pesquisa realizada pela Deloitte, as empresas B2B (business to business ou empresa para empresa) investem entre 6% a 7% do faturamento, enquanto as empresas B2C (business to consumer ou empresa para empresa) investem de 9% a 12%. Isso ocorre porque as primeiras possuem um público-alvo altamente segmentado em comparação às segundas, já que há muito mais consumidores finais do que empresas. 

Sendo assim, as empresas B2B não precisam investir em mídias de massa. Além disso, como as contratantes demandam recorrentemente os mesmos produtos e serviços, como indústrias, distribuidoras e revendedoras, as relações de compra e venda são duradouras, diminuindo a necessidade de investimento em novas empresas clientes.

Quais são os gastos com marketing?

A seguir, veja os principais custos com marketing:

Agência de marketing

Muitas empresas terceirizam parte ou todas as atividades de marketing para uma agência especializada. Essa é uma alternativa de baixo custo, se comparada à contratação via CLT de uma ampla equipe, e permite ter uma maior previsibilidade no orçamento.

Impressão

Há empresas que quase não lidam com material impresso, pois focam toda ou boa parte da estratégia em ações no ambiente on-line. Contudo, aquelas que investem em outros meios de divulgação devem ficar atentas, visto que a impressão consome parte significativa do orçamento – principalmente quando se trata de outdoors ou de materiais que necessitam de alta resolução ou grandes tiragens.

Mídia paga

Os anúncios pagos são uma excelente forma de aumentar rapidamente a visibilidade da empresa, ainda mais quando aliados às estratégias de marketing orgânico, como SEO e produção de conteúdo de qualidade. As plataformas de mídia paga, como Google Ads, Facebook Ads e Instagram Ads, possibilitam limitar o orçamento destinado e monitorar o desempenho da campanha. Assim, se ela não surtir o efeito desejado, é possível mudar a estratégia rapidamente.

Além desses custos, outros investimentos que impactam o orçamento de marketing são as licenças de software e planejamento e divulgação de eventos.

Como medir os resultados do seu orçamento de marketing?

Uma das formas mais utilizadas para avaliar se o orçamento está sendo bem-investido é por meio do ROI (return on investment ou retorno sobre investimento). Para calculá-lo, basta subtrair o custo da receita e dividir o resultado pelo custo:

ROI = Receita – Custo

———————

Custo

Se o resultado for negativo, significa que a despesa é superior à receita, e caso o ROI seja igual a 1, você não está lucrando e nem tendo prejuízo. No entanto, o ideal é que o ROI seja maior que 1, pois isso significa que o investimento se paga e ainda gera lucro. Então, quanto mais elevado for o valor do ROI, mais lucro você está obtendo.

Caso ainda tenha alguma dúvida sobre como fazer o orçamento de marketing, criamos uma calculadora para que você possa dimensionar e estimar os valores a serem investidos. Se deseja contratar uma consultoria para te orientar ou um serviço que te ajude a elaborar o orçamento, conte com a WSI Decisão Digital, agência de marketing digital com 25 anos de experiência no segmento!

× WhatsApp